Produção de rações aumentou 5,20% no primeiro semestre no País

Fonte: Valor / via SNA.


A produção de rações aumentou 5,20% no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado e totalizou 39 milhões de toneladas, segundo dados divulgados hoje pelo Sindicato Nacional da Indústria de Alimentação Animal (Sindirações).


A produção de ração para bovinos de corte foi a que mais avançou na comparação, 8%, para 2.44 milhões de toneladas, enquanto a produção de ração para gado de leite recuou 1,30%, para 2.75 milhões de toneladas.


Cenário difícil


Em nota, o Sindirações destacou que a indústria brasileira conseguiu manter o nível de produção mesmo em um cenário de safras prejudicadas pelo clima, dólar em alta no ambiente doméstico e preços do milho e do farelo de soja em patamares recorde.


A entidade ressaltou, ainda, que a autorização do governo para a importação de milho transgênico dos Estados Unidos ainda não aliviou a situação de avicultores e suinocultores independentes, produtores de leite e confinadores brasileiros.


Por isso, o setor continua pedindo desoneração de impostos de importação, transporte e comercialização do cereal.

Publicado: 25/08/2021 por COOASAVI

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER!